Pular para o conteúdo
Voltar

Governo do Estado fomenta empresas de base tecnológica

Programa nacional visa estimular criação de empresas inovadoras em áreas estratégicas de desenvolvimento econômico
Widson Ovando | FAPEMAT

O Programa visa a criação de empresas com base tecnológica - Foto por: DTC/Fapemat
O Programa visa a criação de empresas com base tecnológica
A | A

 

O Governo do Estado de Mato Grosso, através da Fundação de Amparo à pesquisa do estado de Mato Grosso (Fapemat), está executando o programa nacional intitulado CENTELHA, que tem por objetivo a criação de novo empreendimentos inovadores e incentivar a criação de empresas em área estratégicas para o desenvolvimento sustentável do estado.

O agronegócio é a principal base econômica do estado, por ser o maior produtor de soja (15milhões de toneladas), algodão (1,1 milhão de toneladas), o segundo maior produtor de arroz\ (1,7 milhão de toneladas), quinto produtor de cana-de-açúcar e sétimo de milho. Liderando com 32% o ranking nacional do Valor Bruto de Produção (VBP), com R$ 102 bilhões.

 

 

 

Nas propostas oriundas de nove (9) municípios,18% são voltadas a inovação no agronegócio, 18% para o setor de fabricação de alimentos e bebidas e 11% para Tecnologia da Informação e Comunicação ( TIC).

As vinte e sete (27) propostas aprovadas no resultado final do Programa no estado visam estimular a criação de empresas de base tecnológica às cadeias produtivas, 14% irão utilizar Química e Novos Matérias para o desenvolvimento das inovações, 11% utilizarão conceitos de Inteligência Artificial e Machine Learning, 11% Tecnologia da Informação e 7% Nanotecnologia, tanto na  criação  de novos produtos bem como  agregar valores aos já existentes.